Massagem (do francês massage) é a prática de aplicar força ou vibração sobre tecidos macios do corpo, incluindo músculos, tecidos conectivos, tendões, ligamentos e articulações, para estimular a circulação sanguínea, a mobilidade, a elasticidade ou alívio de determinadas dores corporais.[1] Por ser uma forma de terapia, também pode ser conhecida como massoterapia. Pode ser aplicada a partes do corpo ou continuamente a todo o corpo, para aliviar traumas físicos, aliviar estresse psicológico, controlar a dor, melhorar a circulação e aliviar a tensão nervosa.

Tipos
A massoterapia é um instrumento particular na área da saúde que utiliza métodos de tratamentos ocidentais e orientais (arte das manipulações dos tecidos moles frequentementes encurtados e com disfunções), sendo, também, auxiliar nos tratamentos de fisioterapia. Existem, no mundo, centenas de técnicas de massagem. Via de regra, são metodologias regionalizadas e inerentes a um povo, um país, ou uma região geográfica. As técnicas de massagem dividem-se basicamente em duas grandes categorias: energéticas e fisiológicas. As primeiras buscam a reorientação da energia vital (chi, ki, prana), e as segundas buscam a desintoxicação do organismo através da eliminação do ácido lático das fibras musculares, além de auxiliar o retorno do sistema venoso.

Depois, começaram a bifurcar-se em centenas de correntes e estilos diferentes, fundindo-se e separando-se em outros tantos estilos. Hoje em dia, existem massagens aplicadas para praticamente todos os fins. Desde massagens para bebês e idosos até massagens estéticas, de rejuvenescimento localizado. As massagens, hoje em dia, estão cada vez mais enraizadas nas culturas, chegando até mesmo às empresas. Cada vez mais, grandes organizações incorporam, nos seus pacotes de incentivos, massagens inclusive no próprio local de trabalho.

Massagem Havaiana
A massagem havaiana (Lomilomi) é parte integrante da medicina tradicional havaiana. A massagem terapêutica Havaiana é a arte havaiana de curar através do toque. Lomilomi é um termo havaiano que significa “esfregar, amassar, massagear”. Existem inúmeras versões de Lomilomi praticadas por todo o Havaí. Em escolas de massagem havaiana, existem dois estilos principais de Lomilomi: Lomilomi Big Island Style, de Aunty Margarete Machado, que parece ser uma versão polinésia da massagem europeia clássica sueca. Já o Lomilomi de Kauai, “Romi Kapa Rere”, é dinâmico como o surfe, com longos e fortes movimentos, acompanhado da tradicional música havaiana.

No contexto da tradição havaiana, a massagem tem o objetivo de restabelecer o estado natural de harmonia da vida (lokahi) e de energia vital (mana) no corpo.

A massagem atua tanto no corpo físico como no emocional. Por isso, além de revigorar o corpo dos desgastes das atividades diárias, a massagem também faz o massageado se sentir acolhido, aliviando sua carência afetiva.

São necessários alguns anos de treinamento para dominar com eficiência não apenas as manobras, mas compreender a essência e a profundidade terapêutica do toque havaiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *